Spirulina faz bem?

25 de março de 2015 by administrador | No Comments | Filed in Sem categoria

O termo superalimento certamente poderia ser aplicada a Spirulina. Apesar de não ser tecnicamente uma erva (na verdade, uma cianobactéria), ela tem uma grande variedade de propriedades promotoras de saúde. Ela é rica em clorofila, e como as plantas, recebe a energia à partir do sol.

O que é a Spirulina?

A Spirulina é uma “alga” natural (cianobactéria) em pó que é incrivelmente rica em proteínas e uma boa fonte de antioxidantes, vitaminas do complexo B e outros nutrientes. Quando colhida corretamente à partir de lagoas e águas não contaminadas, é uma das fontes de nutrientes mais potentes disponíveis na natureza.

É em grande parte composta de proteínas e aminoácidos essenciais, e é normalmente recomendado para vegetarianos por seu alto teor de ferro natural. Muitas vezes, é elogiado por seu alto teor de B12.

A alta concentração de proteínas e ferro também a torna algo bom para ingerir durante a gravidez, após cirurgias, ou a qualquer momento que o sistema imunológico precisar de um impulso.

Confira os principais benefícios para a saúde oferecidos pela Spirulina:

Ela tem 65% de proteína e aminoácidos, incluindo o ácido linolênico, que tem sido objeto de muita atenção por suas propriedades anti inflamatórias, especialmente quando tomado com suplementos como óleo de fígado de bacalhau fermentado. Ela contém todos os aminoácidos essenciais.

Contém Omega 3, 6 e 9 e é especialmente cheia de ômega-3.

Tem muita clorofila, o que ajuda a remover as toxinas do sangue e estimular o sistema imunológico.

Tem uma concentração muito elevada de ferro biodisponível e é excelente durante a gravidez e para pessoas com anemia e não irá causar constipação. As proteínas e nutrientes da Spirulina são muito biodisponíveis e fácil de absorver.

A Spirulina é uma grande fonte de outros nutrientes, incluindo as vitaminas B1 (tiamina), B2 (riboflavina), B3 (nicotinamida), B6 (piridoxina), B9 (ácido fólico), vitamina C, vitamina D, vitamina A e vitamina E. Além disso, é uma fonte de potássio, cálcio, cromo, cobre, ferro, magnésio, manganês, fósforo, selênio, sódio e zinco. A Spirulina contém muitos pigmentos que podem ser benéficos e biodisponíveis, também.

A Spirulina também é incrivelmente rica em cálcio, com mais de 26 vezes o cálcio do leite, tornando-o excelente para as crianças, os idosos e durante a gravidez. Algumas pesquisas sugerem que a Spirulina pode ser útil para pessoas com alergias e reações alérgicas.

O teor de fósforo da Spirulina faz com que ela seja útil como parte de um regime e remineralização dos dentes. Algumas evidências sugerem que ela se liga com os isótopos radioativos e pode ser útil para a exposição da radioatividade ou terapia de radiação.

A proteína na Spirulina é altamente utilizável e tem uma taxa de utilização de proteína líquida entre 50% e 61% e ela pode se vincular com metais pesados ​​no organismo e ajudar a removê-los. Pode também aumentar a queima de gordura durante os exercícios físicos feitos justamente com a finalidade do emagrecimento.

De modo geral, a Spirulina é bastante útil e pode trazer grandes pontos positivos para a vida de uma pessoa que ingere ela. Me conte nos comentários o que você achou de todos esses benefícios da Spirulina.

Óleo de cártamo e como o suplemento contribui para o corpo

26 de setembro de 2014 by administrador | No Comments | Filed in Sem categoria

Da semente do cártamo é extraído o óleo de cártamo, alimento indicado por especialistas e consumido por quem deseja benefícios para o organismo e para a estética. Conheça aqui as maiores vantagens no consumo do produto.

Benefícios

O óleo pode ser consumido por qualquer pessoa, desde que esta respeite os limites de quantidades e possua uma alimentação balanceada. A dica é consumir com saladas, comidas leves, ou até mesmo no preparo dos pratos quentes, substituindo o óleo de soja. Muitos consumidores optam pela versão em cápsulas, aumentando a praticidade tão necessária na rotina corrida

O óleo de cártamo conta com uma enorme quantidade de vitamina E, retardando o envelhecimento celular e prevenindo a formação de radicais livres, grandes responsáveis pelo aparecimento de canceres, e da aterosclerose.

O alimento também é rico em ômega 6 e ômega 9, que juntamente com todo o restante da composição contribui para o bom funcionamento do organismo e para a manutenção da saúde. O consumo leva a prevenção e tratamento da diabetes tipo 2, diminuição da glicose, entre outros.

Porém, dentre todos os benefícios, o que mais se destaca é o emagrecimento saudável, já que o óleo age na inibição das enzimas lipogênicas (LPL), as quais estocam gorduras. O cártamo também estimula a ação das enzimas lipolíticas, responsáveis pela queima de gorduras. Ou seja, a eliminação dos excessos passa a ser possível, sem que seja necessário apelar para dietas milagrosas.

Para a diminuição do peso corporal, o óleo é um grande aliado, já que ajuda a acelerar o metabolismo, promovendo a combustão da gordura. O consumo frequente contribui para o que corpo faça a chamada lipase, processo que obriga o corpo a utilizar a própria gordura como fonte de energia. O alimento ainda contribui para o ganho de massa muscular, fazendo com que os músculos fique ainda mais torneados. A ingestão leva também a uma verdadeira limpeza no organismo, reduzindo o inchaço, graças aos componentes antioxidantes.

A dica é optar pelo óleo em cápsulas, que pode ser encontradas em lojas online, farmácias, e lojas de suplementos. Porém, saiba que nem todos os produtos possuem aprovação da ANVISA. Para saber se a marca se adequa as normas estabelecidas, verifique no rótulo se esta conta com quantidade de CLA (ou ácido linoléico conjugado ou ALC) maior que 70%.

Contraindicação

Qualquer medicamento ou suplemento que contenha o óleo de cártamo não deve ser consumido por alérgicos a ovos ou óleos se soja, nem por indivíduos que apresentaram doença renais, diabetes, ou gestantes.
O produto atua como um verdadeiro termogênico e é cada vez mais indicado atualmente. Consuma o óleo adequadamente e confira os resultados.

Assista ao vídeo abaixo e entenda um pouco mais sobre os benefícios do cártamo:


Fonte: www.cellinea.net.br e Minha vida

Biotina: Não deixe faltar!

20 de setembro de 2014 by administrador | No Comments | Filed in Sem categoria

As vitaminas são, basicamente, o combustível do corpo. Quase todas as funções necessárias para um bom funcionamento e desenvolvimento do corpo humano são desempenhadas pelas vitaminas que circulam na corrente sanguínea, seja em maior ou menor quantidade. Cada uma com sua função, elas dão a sustentação necessária para termos disposição para o dia a dia e também relaxarmos nos momentos de descanso.

Cada vez mais, existe a necessidade de se criar hábitos saudáveis, já que as rotinas diárias fazem todos “perderem a noção” no quesito da alimentação. Uma vitamina de grande importância e que não pode faltar, principalmente para as mulheres, é a biotina, também conhecida por vitamina H, B7 ou B8.

Cabelos, unhas e colesterol

Ambos os elementos do corpo precisam de fortalecimento e rejuvenescimento constante, por se tratarem de partes expostas não só a mudanças de temperatura ou outros efeitos clímáticos, mas também a itens presentes na sua genética, como justamente a falta de biotina no seu cardápio.

Essa vitamina atua diretamente no couro cabeludo (deixando os poros capilares mais limpos e estiumlando o crescimento) e nos fios do cabelo, os tornando menos quebradiços e mais resistentes a queda.

A sua eficiência também está presente nas unhas, já que os seus componentes também fortificam e estimulam o seu crescimento. Tanto para o público masculino como feminino, é importante manter saudável o seu crescimento com relação as unhas, seja no padrão estético ou necessidade física.

Por ser uma vitamina rica no processamento de proteinas, carboidratos e também da gordura corporal, ela tem papel influente no emagrecimento e controle das taxas de colesterol.

Presença da biotina

Por se tratar de uma vitamina, existem doses consideráveis da biotina em alimentos que já são naturalmente conhecidos por muitas propriedades benéficas a saúde humana, como carnes vermelhas (principalmente na carne bovina), peixes, leite e seus derivados, grãos e também em verduras.

A biotina também pode ser encontrada em produtos industrializados, através de cápsulas e suplementos que tenham alta concentração dessa vitamina.Grande parte dos produtos específicos já são regulamentados pela Anvisa e podem ser adquiridos de forma individual, através do site de cada marca, ou até mesmo em uma farmácia normal ou de manipulação.

Porém, nesse caso específico, é importante consultar um dermatologista, a fim de que ele possa falar sobre possíveis reações a outros elementos presentes nos produtos industrializados.

Problemas da falta de biotina

Por ser uma vitamina que se encontra em muitos tipos de alimentos, é bem difícil apresentar um quadro com falta considerável de biotina no organismo, sendo reservada apenas a casos específicos como alcoolismo, desnutrição ou uso de medicamentos para ataque epiléticos, que costumam servir como “esponja” da biotina.

Nessas situações, vários sintomas podem indicar a sua ausência na corrente sanguínea, como perda de apetite, colesterol alto, dores musculares etc. Com relação ao cabelo, os danos podem ser ainda mais graves, causando caspa, ceborréia e até mesmo a queda de cabelo.

Cosumo mínimo

Precisar uma quantidade exata de quanto cada organismo necessita de biotina não é algo que seja possível fazer a não ser sob avaliação de um médico de áreas relacionadas, como nutricionista ou um dermatologista. Segundo os estudos, é possível apenas estabelecer uma média de 150 microgramas por dia, algo fácil de obter devida a sua existência em vários elementos da alimentação, como foi citado anteriormente.

Contra-indicações

Não existe nenhuma evidência de que haja algum malefício ao organismo causado pela biotina, mesmo que ela seja consumida em doses altas ou que simplesmente ultrapassem os níveis que o corpo humano possa utilizar. Essa “imunidade” ao excesso de biotina se dá pelo fato do corpo naturalmente eliminar a quantidade indesejada através da urina.

Saiba mais acessando o seguinte site: www.follixin.net.br

Picolinato de cromo: Pare de comer doces!

11 de setembro de 2014 by administrador | No Comments | Filed in Sem categoria

Picolinato de cromo é um suplemento dietético indicado para dietas devido a fórmula do produto ser rica em cromo, mineral necessário para a produção de insulina no corpo.

Picolinato de cromo ajuda a emagrecer então?

Com certeza. Como o picolinato de cromo age incentivando a produção de insulina, acaba auxiliando no recebimento de glicose e favorecendo a circulação do sangue, assim, os níveis de açúcar são mantidos baixos, com isso, proporciona maior ganho de energia, acelera a queima de gorduras, além de ajudar na construção dos músculos.

Qual a vantagem de ingerir picolinato de cromo na dieta?

A vantagem de incluir o picolinato de cromo numa dieta balanceada é o efeito que produz no organismo, visto que muitas pessoas começam a fazer dietas, e mesmo que tentam não conseguem ficar longe de doces, já que virou um vício para o organismo.

A principal função do picolinato de cromo nesses casos, será justamente inibir a vontade dessas pessoas em comer doces, devido ao aumento da insulina que provoca no sangue.

O ideal é que a ingestão do picolinato de cromo seja feita junto com uma dieta balanceada, além de ser obrigatório a prática de atividades físicas, auxiliando dessa forma na definição dos músculos, por isso, o picolinato de cromo está entre os suplementos preferidos pelos atletas.

Picolinato de cromo

Como incluir o picolinato de cromo na dieta

A melhor maneira é tomar 1 suplemento de cromo picolinato todos os dias com as refeições, sempre antes dos exercícios. Caso preferir pode tomar o picolinato de cromo junto com suco de laranja, ou, outra fonte de vitaminas C, isso garante que o organismo absorva 100% do cromo.

Dicas para atletas sobre o consumo de picolinato de cromo

Faça os exercícios intercalando com descansos de 30 a 60 segundos, isso aumenta as chances de perder peso.

A ingestão do picolinato de cromo provoca uma queima maior de gordura, se houver aumento de intensidade de exercícios aeróbicos, durante o máximo de 1 minuto.

O picolinato de cromo é potencializado quando o atleta treinar com pesos nos exercícios de força, no mínimo 2 vezes por semana.

A alimentação é muito importante na semana de segurança para os atletas. Dê preferência para comer brócolos, feijão-verde, cereais integrais, manteiga de amendoim, ameixas, nozes e batatas, junto com a ingestão do picolinato de cromo.

A ingestão de alimentos feitos com açúcar são proibidos não só para os atletas, pois evitam que o corpo absorva o picolinato de cromo.

Fonte: http://cofelen.net/

Vitamina B6  

9 de setembro de 2014 by administrador | No Comments | Filed in Sem categoria

Muitas pessoas que estão neste momento procurando uma forma de eliminar alguns quilinhos instalados durante ossomatodro. meses frios do ano, geralmente resolvem simplesmente cortar do cardápio vários tipos de alimentos tanto calóricos como saudáveis, achando que assim, conseguirá atingir o peso ideal mais rapidamente!

O problema é quando há uma interrupção na ingestão de certos grupos alimentares consequentemente o corpo deixará de receber os nutrientes e as vitaminas necessárias para que a saúde fique em dia, e isso, muitas vezes é notado pela fraqueza e o cansaço que abatem a pessoa.

Como é o caso da falta da vitamina B6 que tem um papel importante no metabolismo sobre as gorduras e no bom funcionamento da tireoide, e o aumento da ingestão da vitamina B6 pode acelerar o metabolismo e ajudar na queimar de calorias.

Quais alimentos tem a vitamina B6

A vitamina B6 pode ser encontrada em vários alimentos dentre os quais estão os grãos integrais, a banana, o frango, pimentão, nabo, espinafre, atum entre outros.

Quais os benefícios da vitamina B6

Ação anti-inflamatória

A vitamina B6 age diretamente sobre inflamações de vários tipos no organismo evitando doenças como enfartes, diabetes tipo II, inclusive obesidade, por isso, é recomendada para dietas de emagrecimentos.

Contribui na formação de Células

A vitamina B6 é necessária para o crescimento celular auxiliando os ácidos nucleicos, os blocos de construção das proteínas, os aminoácidos, assim como as proteínas das células vermelhas do sangue, entre outros componentes nas células.

Sistema imunológico

A vitamina B6 também ajuda a manter a saúde das glândulas linfoides, como baço e gânglios linfáticos, além de garantir a produção de glóbulos brancos saudáveis responsáveis pela proteção contra as infecções no organismo.

Mantém o sangue saudável

A vitamina B6 aumenta a quantidade de oxigênio transportado através da corrente sanguínea para as células, essencial para a tomada de hemoglobina.

Qual a importância da Vitamina B6 para o atleta

Atletas que fazem uso de suplementos como BCAAs que serve para sintetizar as proteínas promovendo e mantendo o ganho de massa magra, e ainda responsável pela recuperação e energia dos músculos, precisam ter uma alimentação balanceada rica em vitamina B6.

A importância da vitamina B6 para um atleta ou mesmo um esportista, é devido ser a responsável pelo transporte dos aminoácidos até o interior das células, e junto com a ingestão de carboidratos na medida correta, garantem respostas melhores durante os treinos tanto do corpo como da mente.